A Acelga tombou, e as sementes vão-se

Acelga tombada

Acelga tombada

Por parvoíce minha, creio que vou perder as sementes da acelga suíça (é assim que a conheço).

Estes dias de muita chuva e vento, fizeram aquilo que não estava nada à espera, e derrubaram a Acelga.

Tinha quatro cá pelo quintal, e como todas elas estavam já a desenvolver semente, optei, estupidamente, por ir dando folhas das outras três às galinhas, pois só as sementes que esta iria dar, seriam mais do que suficientes.

Pois parece que já não vai dar.

É surpreendente, ela ter tombado assim, e deve-se ao solo que aqui tenho, e até à cama onde estava, pois o fundo está cheio de madeiras em decomposição.

Em Adoa, em solo argiloso, elas vão por ai abaixo, agarrando-se firmemente, sendo muito difíceis de as arrancas. Só mesmo cortando.

Acreditava pelo diâmetro do caule, que ela já tivesse agarrada ao solo, mas não.

Tenho esperança que em Adoa ainda consiga obter algumas sementes de algumas que estejam para lá a crescer.

É uma pena, pois esta espécie é muito fácil de se manter, não requer grandes tratos, e dá umas óptimas folhas para comer.

Principal lição, deixar sempre mais do que uma para sementes, ainda que sejam mais do que se precisa.

Era básico

 

Anúncios

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s