Resultado do detergente para a máquina de lavar roupa

SAMSUNG DIGITAL CAMERAEis pois, o resultado do detergente “ecológico”, e perdoem-me as aspas, mas continua a ser um detergente cujo os ingredientes não são locais, e tem um processamento e transporte assentes em combustíveis fosseis, mas a sua ecologia advém, do menor uso químicos usado para o seu fabrico, além de se saber o que se usa.

Só deu para uns 6L , pelo que não adicionei o volume de água correcto, pois devia ter dado uns 8L.

Lavámos hoje duas máquinas com o detergente, e os resultados foram positivos, sendo que numa peça ou outra de roupa branca as nódoas maiores, o resultado não foi assim tão bom.

Mas ainda assim, acho que é uma mais valia, tanto pelo preço e facilidade de fazer o detergente ecológico para lavar a roupa, como pela atitude de tentar ter um impacto menor no meio ambiente.

Há que para a próxima ajustar melhor os ingredientes, e tentar melhorar.

Agora falta fechar o ciclo, que é o aproveitamento da água da lavagem, denominadas de águas cinzentas, para uso na irrigação das árvores de fruto.

Eu aqui, torço um bocado o nariz. Primeiro porque não é natural chover detergente, por muito ecológico que seja,  ainda que o impacto no solo seja diminuto, e depois, porque o nosso jardim é pequeno, e mesmo aproveitando para regar uma ou outra vez, as pereiras que estão em celhas, a ameixoeira ou a  pereira, não sinto a intuição de carregar com estas águas.

Só hoje tomei a noção da água que se desperdiça na máquina. A celha tem 55L e não chega para a descarga de uma lavagem, pelo que creio que se deve situar nos 65 a 70 L . Das duas lavagens são então 130 a 140L .

Reutilizar a água da maquina de lavar roupa

Reutilizar a água da maquina de lavar roupa, aqui 55 Litros

São 28 garrafões de 5L que se podem encher. É efectivamente muita água que pode ser reutilizada, ou tratada.

Existem algumas soluções para o tratamento destas águas, mas pelo que tenho visto, exigem um pouco mais de espaço.

De momento, ainda ando a pesquisar sobre a segurança ou não, da utilização destas águas cinzentas na horta.

Esta é a cor das águas

Esta é a cor das águas

Mas até ser abençoado pelas musas e encontrar soluções de filtragem ou tratamento que se adequem aqui ao palácio, enchemos os garrafões para usar no autoclismo.

De uma maneira ou de outra, fica-me a perfeita noção, como as nossas vilas e cidades, têm de ser redesenhadas, melhoradas, de modo a serem mais sustentáveis e eficientes energéticamente.

 

 

Anúncios

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s